Falamos hoje sobre os suplementos alimentares, as injeções de hormonas para fins estéticos, falsificações de suplementos, falsificações de alimentos, …

Pois permita-me dar a minha opinião do que muito se tem falado.

Os suplementos alimentares têm forma de serem validados por entidades externas quanto ao seu grau de pureza e a função terapêutica através de estudos internos e externos e, algumas empresas têm certificados  que validam que o produto é seguro.

Falou-se na televisão recentemente que as proteínas em pó trazem componentes como hormonas e não vêm mencionado na rotulagem. Ora, se assim fosse teríamos aqui graves problemas de saúde nos consumidores, eu, por exemplo sempre que ingiro proteína e BCAA após exercício físico e se vêm com testosterona, como foi afirmado por mais que uma vez por duas profissionais de saúde na televisão, provavelmente já teria alterações fisiológicas respeitantes ao aumento dos níveis de testosterona no meu corpo, tais como maior quantidade de pêlos, voz agravada, fisionomia masculina,….

Outro tipo de suplementos que tomo e até aconselho, só passando analises e estudos dos mesmos pelas minhas mãos é que aconselho aos meus pacientes. A INFARMED pode não ter intervenção nestes suplementos, mas aconselho ser um consumidor informado e apenas comprar produtos certificados e que, as empresas, se façam de valer dos estudos ou analises comprovando os seus ingredientes e doses dos produtos ou então confiar no seu profissional de saúde.

Quanto às injeções hormonais, cada um sabe de si, apenas apelo a quem faz, sejam elas hormonais ou outras que o façam com um profissional qualificado, e que confirmem sempre se o material está esterilizado, o produto injetável não ser fraudulento e o ambiente ser controlado.

Seja um consumidor atento e informado.

 

Deixe uma resposta

Fechar MENU