O cancro surge por uma adaptação ao meio extra celular que por algum factor foi modificado e as celulas modificam-se, adaptam-se à nova condição.

Não gosto, nunca gostei da palavra “luta” associado à patologia, pois só mesmo quem não entende o que é o cancro pode dizer que temos que travar uma luta contra as suas próprias celulas, mas é assim que está é assim que fica.

Sabemos hoje que o cancro é uma doença multifactorial o que significa que não se sabe exactatamente o que provocou a situação, mas sabe-se que pelo menos 70% dos factores de risco de desenvolvermos um tumor é de origem comportamental. Ora se é comportamental, significa que podemos ter ação? Que podemos conseguir auxiliar o nosso corpo modificando o/s comportamento/s que podem também ter provocado a situação?
SIM… eu acredito nisso, a OMS também o diz e por isso eu, ano após ano reúno profissionais que partilham o seu tempo de lazer para partilharem o seu conhecimento e como podem auxiliar o doente ou todos aqueles que desejam ter uma ação preventiva.

Ano após ano organizo este evento, pela primeira vez no formato virtual mas assim somos obrigados devido à situação em que o mundo se encontra, mas, acredito que é uma forma de chegar ainda a mais pessoas.

Como em todos os anos, sei que quem assistir travará verdadeiras Mudanças na sua vida, pois desde há muito tempo que a minha palavra preferida é a Mudança e é isso que proponho a si.

Mude pela sua saúde.

Este Post tem 2 comentários

  1. Soube agora do seminário que me parece de grande interesse, mas deve estar a acabar – ficará gravado?

    1. Olá Isabel. Obrigada. O seminário foi no dia 6/2 das 10h às 18h.
      Ficou gravado e podia aceder às mesmas através da aquisição do pacote de palestras, mas também já não é possível agora, já saiu do online.
      Fique atenta.

Deixe um comentário

Fechar MENU